amor(-meu).

segunda-feira, dezembro 09, 2013

Hoje apetece-me escrever um texto de amor. Porque há muito tempo que não te escrevo e mesmo assim não me sais do pensamento. Porque mais do que toda a gente, tu compões o meu pensamento, tal como um músico compõe a melodia das suas músicas: com um timbre melódico, vibrante e quase viciante. Hoje apetece-me escrever um texto de amor porque as saudades começam a transbordar deste coração tão teu. Apetece-me escrever um texto de amor, para recordar aquilo que fomos, somos e sempre seremos. Apetece-me escrever-te, meu amor, porque a lua já vai alta e começa a iluminar claramente a falta que fazes nesta casa que, sem ti, está tão vazia. Faz falta a tua voz bem perto do meu ouvido, faltam os teus braços à volta da minha cintura, o teu sorriso dentro do meu, as tuas mãos entrelaçadas nas minhas. As noites estão geladas e este frio, sem ti, ainda me congela mais, congela-me a alma, o coração, os lábios e tudo aquilo que se habituou a viver contigo e que, de outra forma, não consegue reagir. Faz-me falta o teu toque para o meu coração despertar, para voltar a ter a pele arrepiada, os olhos enrugados de tanto sorrir e o amor bem perto de onde quero: de mim, de ti, de nós. Porque só assim funciona. Hoje escrevo-te mais um dos textos de amor porque de ti só sei escrever textos de amor. E hei-de coloca-lo debaixo da minha almofada, para que os sonhos que todas as noites me invadem o pensamento, se tornem realidade e que amanhã possa voltar a acordar contigo ao meu lado, com o melhor bom dia que algum dia alguém me pode desejar.

Cosmética Natural

O melhor hidratante de lábios do Mundo {Sabonetes da Su}

sábado, dezembro 07, 2013


Já aqui tinha dito uma vez que se há coisa, no que diz respeito a produtos de beleza, que eu não dispenso é o hidratante de lábios. Tenho que andar sempre com um na carteira (existem dias que chego a andar com mais de três) e coloco regularmente durante o dia. Isto porque desde que fiz um tratamento à pele por causa do maldito acne os meus lábios ficaram mais sensíveis do que a pele de um bebé. Tenho o ritual da hidratação antes de ir dormir, mas isso nem sempre é suficiente. Especialmente quando se mora num sítio gelado como é Vila Real. Portanto, podem imaginar o meu grau de felicidade quando a Susana dos Sabonetes da Su me disse que ia criar um hidratante labial.
Durante anos andei à procura de um hidratante ideal: sem químicos e ingredientes esquisitos, feito em Portugal, com um sabor agradável (que não enjoasse), fácil de colocar e que, acima de tudo: resultasse. Já uso este hidratante há um mês e até agora ele tem sido o meu preferido de todos: adoro o sabor, a maneira como os meus lábios ficam brilhantes, mas sem uma cor estranha ou a notar-se demasiado, gosto de os sentir assim hidratados e estar consciente daquilo que estou a usar.
Já falei muitas vezes aqui da marca "Sabonetes da Su" (desde da primeira vez que conheci a Susana, e dos cremes que desde que conheci não parei de usar) e não é por adorar todo o trabalho que vem desta marca, que vos recomendo muito este hidratante, a verdade é que os meus lábios comprovam o seu efeito. E olhem que são lábios bem exigentes! O hidratante agora também existe em stick e em vários sabores: amora, chocolate/baunilha e alecrim/menta. Para já só experimentei o de alecrim/menta, mas estou ansiosa por experimentar o de amora! No entretanto, espero os feedbacks de quem experimentar. Aproveitem e visitem a página do facebook dos Sabonetes da Su.

Um xi-,
Mariana.

Seguidores

Junta-te ao Facebook

Amantes de Chá

Junta-te ao grupo #umaxícaradechá